sexta-feira, 21 de outubro de 2011

O contraditório Ocidente

Não espero aqui escrever um texto longo analisando esse último acontecimento brutal ocorrido no Oriente Médio, mas apenas passar algumas poucas impressões que tive sobre o episódio.
É bom que nos lembremos que o regime do Coronel kadaffi sempre teve apoio do Ocidente, principalmente da França e da Itália, até mesmo do Brasil. Lembrem-se que o Presidente Lula chegou a visitar o ditador. Isso se explica pelo pragmatismo comercial. A Líbia sempre foi fornecedora de primeira hora do petróleo para a Europa e, no caso do Brasil, várias empresas nossas estão instaladas lá, como a Odebrecht, por exemplo.
Ocorre que ninguém contava com as revoluções hoje chamadas de "Primavera Árabe". Lembrem-se que, no começo, num mesmo dia, o governo Obama teve três posições sobre apoiar ou não a invasão à Líbia.
De repente, ficou feio dizer que não apoiavam o movimento popular e, de uma só vez, todos os governos que outrora eram apoiados incondicionalmente pelo Ocidente, passaram a ser personas non gratas.
É, essa é a real politik movida por interesses e não por ideais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário